Notícias

Negociação de Débitos: Call center da Economia tem novo número

23 de maio de 2019

O contribuinte que pretende verificar pendências de ICMS, IPVA e ITCD junto à Fazenda Estadual, bem como oportunidade de negociação e pagamento de débitos, deve ficar atento  à mudança no número de atendimento. Como parte da modernização na plataforma tecnológica do call center do setor de cobrança, a Secretaria da Economia adotará um novo número - (62) 3309 6700 - a partir do dia 03 de junho. “A mudança foi necessária para adequar o sistema à nova tecnologia que modernizou e otimizou nosso trabalho, dando mais eficiência e comodidade ao contribuinte”, explica o Superintendente de Recuperação de Créditos (SRC), Mario Bacelar.

Segundo o coordenador da Cobrança Administrativa da SRC, Humberto Pinheiro, entre os tipos de atendimento, o contribuinte pode buscar no call center informações acerca de débitos inscritos e não inscritos em dívida ativa com apontamento na Serasa, protesto em cartório e registros no Cadin Estadual, informações sobre parcelamentos de débitos, entre outros. “Estamos disponíveis das 7h às 19h, para dar agilidade, acesso e esclarecimento ao contribuinte que quer quitar seus débitos”, frisou o coordenador.

O Gerente de Processos e Cobrança da SRC, Reginaldo de Santana, conta que desde dezembro o setor adotou o sistema smart voice que permite otimizar o número de ligações. Segundo levantamento feito pela gerência, de janeiro a abril 168,5 mil ligações foram feitas a contribuintes, os atendentes obtiveram sucesso em 12,7 mil delas. Por outro, lado 6,3 mil contribuintes ligaram espontaneamente para o setor em busca de informações sobre débitos.

O atendimento telefônico, relativo a débitos, na Secretaria da Economia existe desde 2003, tendo sido reformulado no ano de 2016, quando passou a contar com mais atendentes e banco de dados mais eficiente. Reginaldo explica que a telecobrança é só uma das diversas frentes de trabalho existentes no setor de Recuperação de Créditos da Economia, que conta com vários setores, e permitiu o resgate aos cofres públicos no ano passado de cerca de R$ 800 milhões, entre valores pagos e parcelados, contribuindo para uma carteira de parcelamento de mais de R$ 1,3 bilhão.

Comunicação Setorial – Economia Goiás

http://aplicacao.sefaz.go.gov.br/post/ver/232735/negociacao-de-debitos:-call-center-da-economia-tem-novo-numero