Notícias

Nova sede do IMB integra estudos e tomadas de decisões

07 de junho de 2019

O Instituto Mauro Borges de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (IMB) passa a integrar a estrutura da Secretaria de Estado da Economia, num prédio devidamente equipado para atender os técnicos e pesquisadores, seguindo uma determinação do governador Ronaldo Caiado e da secretária Cristiane Schmidt (Economia). A solenidade foi realizada na manhã desta sexta-feira (7/6) e contou com as presenças do diretor do IMB, Cláudio André Gondim Nogueira; do Superintendente Executivo da Secretaria da Economia, Everton Chaves Correia; do Secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Carlos Souza; do reitor da UFG, Edward Madureira, representantes do Legislativo, servidores e técnicos do governo. O instituto fazia parte da estrutura da extinta Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan).

A ideia é que o IMB se torne um instituto cada vez mais estratégico no auxílio à Secretaria da Economia e demais órgãos do governo para a elaboração de políticas públicas mais eficientes, utilizando melhor os recursos públicos e produzindo melhores resultados com os estudos e interação entre todos os órgãos do Estado. “A visão estratégica do instituto vai no sentido de que se existe uma determinada política e nós podemos fazer algo diferenciado, que melhore os resultados, economizando recursos, nós vamos fortalecer esse caráter estratégico. Como é que melhoramos as políticas públicas? Utilizando os mesmos recursos ou até menos, conseguindo atender melhor o nosso cidadão”, frisou Cláudio André Gondim Nogueira.

Para o superintendente Executivo da Secretaria da Economia, Everton Chaves Correia, a junção das atividades de planejamento, de arrecadação, e de políticas tributárias na Secretaria da Economia, agora, com o reforço do Instituto Mauro Borges, vai resultar em “ações eficientes com o uso dos recursos públicos, gerando mais desenvolvimento econômico, acelerando o bem-estar da sociedade e combatendo os bolsões de pobreza”. O IMB tem o papel de elaborar os estudos técnicos, de informações estatísticas, macroeconômicas e informações que vão avaliar se as ações do Estado estão trazendo o impacto que se espera dessas ações, com melhor qualidade.

A Secretaria da Economia está articulando uma parceria com a UFG e com a Fundação de Amparo à Pesquisa (Fapeg) visando o fortalecimento da equipe técnica do IMB, parceria que já existe, porém informal. “Nós já temos professores, cedidos pela UFG, trabalhando junto ao Instituto Mauro Borges. Já estamos em contato para celebrarmos um instrumento para cooperarmos com dados, com os nossos programas de pós-graduação, com a expertise da UFG”, informou o reitor da UFG, Edward Madureira.

O Instituto Mauro Borges atua, ainda, no subsídio de dados às secretarias de governo para o fomento de políticas públicas de combate às desigualdades sociais, por meio da elaboração do Índice Multidimensional de Carências das Famílias e também no apoio à iniciativa privada, com destaque para o setor agropecuário. “O setor agropecuário vive uma grande expectativa de que o IMB possa subsidiar a tomada de decisões. Nós temos total confiança no material produzido pelo instituto, focado em pesquisas, na promoção de políticas públicas com excelência e muita efetividade”, explicou o secretário Antônio Carlos Souza (Agricultura).

O Instituto Mauro Borges (IMB)

O Instituto Mauro Borges desenvolve suas atividades com um quadro de servidores altamente qualificado, entre eles mestres e doutores, que realizam pesquisas, estudos e desenvolvem programas nas áreas de economia, geoprocessamento, geografia e ciências sociais na divulgação de dados, mapas, pesquisas, estudos e assessoria técnica para todas as secretarias, numa interlocução direta com a secretária Cristiane Schmidt (Economia).

Em junho de 2012, a antiga Superintendência de Estatísticas, Pesquisas e Informações Socioeconômicos, vinculado à então Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento, foi transformada, pela Lei N° 17.688, no Instituto Mauro Borges de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (IMB). Desde o início de 2019, o Instituto pertence à estrutura administrativa da Secretaria de Estado da Economia do Estado de Goiás.

Comunicação Setorial - Economia
Fotos: Kattia Daniel

http://aplicacao.sefaz.go.gov.br/post/ver/232815/nova-sede-do-imb-integra-estudos-e-tomadas-de-decisoes