Governo de Goiás

Secretaria de Estado da Fazenda

Busca:
Área Restrita
Cadastre-seCadastre-se
Notícias
DRF de Anápolis autua transporte irregular de milho a granel

10 de julho de 2019

As ações de combate à sonegação fiscal no Estado estão sendo intensificadas em pontos estratégicos das rodovias estaduais e federais que atravessam Goiás. Operações desenvolvidas semana passada, no período de 1º a 5/7, pelos comandos volantes da Delegacia Regional de Fiscalização (DRF) de Anápolis autuaram três carretas que transportavam 164 toneladas de milho a granel em situação fiscal irregular. O carregamento foi interceptado no posto da Polícia Rodoviária Federal - BR-060. Somados todos os autos, o valor de mercadorias chegou a mais de R$300 mil.

O carregamento de milho seria oriundo da divisa de Goiás com Mato Grosso, e que segundo informou o motorista, o produto teria como destino os Estados da Bahia e Minas Gerais. Dois autos de infração referentes às três carretas fiscalizadas no valor de R$14.956,80 foram quitados e um foi encaminhado para devidas providências junto à Secretaria da Economia.

Também durante a operação, foram lavrados outros quatro autos de infração referente a 3.120 quilos de carne calculado em R$39.027,02 mil, sendo R$4.687,00 de ICMS sonegado e mais multa de R$12.668,75.

Ainda durante as ações, foi autuada outra carga contendo 20 metros cúbicos de madeira cedrinho serrado, em situação fiscal ilegal, com base de cálculo de R$25.250,00, mais ICMS sonegado de R$920,00 e multa de R$2.442,50. Foram lavrados também mais quatro autos de infração pelo transporte irregular de 32 mil tijolos avaliados em R$14.474,00 (base de cálculo), ICMS sonegado de R$2.460,58 e multa de R$5.463,58.

A fiscalização identificou ainda um transporte de produtos (secos e molhados), contendo irregularidades na documentação fiscal, tendo sido lavrado auto de infração, com base de cálculo de R$7.670,00. Entre ICMS sonegado e multa foram cobrados valores de R$920,00 e R$2.442,50, respectivamente.

Em relatório, o delegado Regional de Fiscalização, Ricardo Batista Dutra, destacou que contando com os dez autos especificados inicialmente, somados a outros de valores inferiores, o total das mercadorias fiscalizadas chegou a R$308.545,40, sendo R$23.392,90 de ICMS sonegado e multa de R$36.290,90.

Comunicação Setorial - Economia

Vereador José Monteiro, nº 2233 - Setor Nova Vila Goiânia - GO - Cep: 74.653-900 Fone:(62) 3269-2000 CNPJ Sefaz: 01409655/0001-80

© Copyright 2012. Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento